Toscano Brasil

Roteiros Personalizados para quem viaja com Essência e Estilo

Browsing Tag:

Turismo

POR QUE TOSCANO BRASIL? SAIBA MAIS

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Morei em Milano (Lombardia), mas minha paixão migrou para a Toscana. Temos um sponsor/partner e future trading partner: ERBARIO TOSCANO.

Erbario Toscano

Futuramente (quem sabe ASAP), teremos os produtos com nossa representação aqui no Brasil. Quando falo que minha paixão migrou para a Toscana estou me referindo a Medieval LUCCA.

Sou Ítalo-Brasiliano, amo os dois países, então juntamos os nomes da região onde pretendo viver daqui a uns poucos anos.

A ideia não é falar de mim e sim da TOSCANO BRASIL!!! E da Toscana. E seria uma bíblia imensa falar de toda a TOSCANA, por isso vamos focar em Lucca e Firenze.

LUCCA

Lucca é uma cidade italiana com aproximadamente 90.000 habitantes, capital da homônima província de Toscana. Fundada como um assentamento da Ligúria segundo alguns historiadores, enquanto outros acreditam que ele é de origem etrusca, e desenvolveu-se como uma cidade romana em 180 aC, contém muitas das características típicas dos tempos antigos. Na Época romana é também a primeira muralhas da cidade, à qual se juntava uma área quadrada na qual, durante o decorrer dos séculos, formaram o centro do poder político e religioso. E ainda tem o seu mais famoso filho, o músico: Giacomo Puccini (homenageado com uma bela estátua, na Piazza Cittadella).

Piazza Cittadella - Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Lucca é uma das principais cidades de arte da Itália, famosa mesmo além das fronteiras nacionais, principalmente por suas muralhas intactas do século XV-XVII, que descreve um perímetro de 4223 m em torno do núcleo histórico da cidade e é uma das quatro capitais das províncias italianas que possuem uma muralha renascentista intacta, junto com Ferrara, Grosseto, Siena e Bergamo. Na segunda metade do século XIX, tornou-se um agradável passeio a pé ou de bicicleta, e ainda é um a mais bem preservada da Europa, usada em séculos passados para fins defensivos (Note-se que até os anos 900, foram utilizadas a muralha – graças ao tamanho considerável da estrada – como um anel viário verdadeiro para o tráfego, muito pesado, em torno da cidade, o único exemplo no mundo das paredes deste tamanho e com este uso).

Como consequência, o centro histórico da cidade permaneceu quase intacto em sua aparência original, portanto, pode incluir uma variedade de méritos arquitetônicos, como as inúmeras igrejas medievais de grande riqueza arquitetônica (Lucca foi mesmo apelidada de “cidade das 100 igrejas,” pela presença de numerosas igrejas na cidade velha da cidade), e campanários, palácios renascentistas e monumentos de estilo de excelente linearidade.

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A cidade também possui belos espaços urbanos: a mais famosa é certamente a Piazza dell’Anfiteatro, construída sobre as ruínas do anfiteatro romano pelo arquitecto Lorenzo Nottolini e com arquitectura única.

Rua principal da cidade histórica é a estreita rua medieval Via Fillungo, que reúne as maiores lojas da cidade.

Outros locais também sugestivos são Piazza San Michele, o centro histórico da cidade e Piazza San Martino, centro religioso, onde há o famoso Duomo di San Martino.

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Só por causa de sua imensa riqueza e monumentos históricos foi recentemente proposto que o centro histórico de Lucca conste da lista de Patrimônio Mundial da UNESCO.

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A configuração atual dos muros de Lucca inclui a presença de seis portões que permitem a entrada da cidade. As portas do norte e no sentido horário, são as seguintes:

– Porta de Santa Maria (1592), que se abre para a Piazza Santa Maria

– Porta San Jacopo ala Tomba (1930), a porta mais recentemente, com a frente Piazza IV Novembre

– Porta Elisa (1811), atravessada pela Via Elisa, dedicada a Elisa Baiocchi

– Porta San Pietro (1565), em direcção à estação de trem

– Porta Sant’Anna, que abre para Piazzale Verdi

– Porta San Donato, perto da Praça San Donato

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Itália - Gastronomia - Alimentação - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

FIRENZE

Firenze (em português Florença) é a capital da Toscana e é considerada uma das cidades mais importantes do mundo por causa da sua beleza e de seus imponentes monumentos.

Roteiros Personalizados para quem viaja com essência e estilo

A Itália é belíssima, existem milhares de monumentos, igrejas, museus… mas sentar na frente da igreja central de Firenze é de encher os olhos de lágrimas tamanha sua beleza e riqueza de detalhes.

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

CAMINHAR DO DUOMO ATÉ A PIAZZA DELLA SIGNORIA

Depois de recuperar o fôlego em frente ao Duomo, pegue à direita na Via dei Calzaioli, andando devagar, sem nenhuma pressa.

Continuando sempre na mesma rua, logo voce chegará naquela que é considerada a principal praça de Firenze: Piazza della Signoria.

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Nesta praça é possível admirar grandes obras artísticas, como a réplica do famoso David de Michelangelo (o original está no Museu dell’Accademia), a Fontana de Nettuno, além do prédio da prefeitura de Firenze, conhecida como Palazzo Vecchio.

ATRAVESSAR A PONTE VECCHIO

Construída no I século antes de Cristo, reza a lenda que durante a 2ª guerra quando os alemães já haviam perdido a guerra e destruíam tudo aquilo que podiam, ao ver a beleza desta ponte não tiveram coragem de destruí-la. Repleta de joalherias e ourives é a mais bela ponte sobre o rio Arno, atravessá-la é um privilégio de poucos, portanto não deixem de visitá-la. É quase a 25 de Março deles (para quem conhece a famosa rua de comércio em SP).

Ponte Vecchio - Firenze - Florença - Itália - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

SUBIR NO PIAZZALE MICHELANGELO E OBSERVAR FIRENZE DO ALTO

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

SAIR PERAMBULANDO A NOITE PELAS RUAS DO CENTRO HISTÓRICO

Seja com os amigos, seja com a pessoa amada, Firenze à noite é màgica! A dica é fazer o mesmo percurso que você fez durante o dia, aproveitando a iluminação noturna dos monumentos.

COMER A FAMOSA “BISTECCA ALLA FIORENTINA”

Não existe nada mais tradicional do que a Bistecca alla Fiorentina: um verdadeiro ‘naco’ de bife que pesa algo entre 600 e 800 gramas de carne.

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

ENTRAR NA CASA DE DANTE ALIGHIERI

Dante foi o maior poeta de todos os tempos, principalmente pela obra A Divina Comédia. E muitos não sabem mas, ele era fiorentino da gema (embora a história mostre que ele foi expulso de Firenze e nunca mais voltou em vida). E é possivel visitar sua casa, que virou o Museo Casa di Dante. O ingresso custa 4 euros e é possível contemplar diversas obras do poeta, incluindo alguns trechos da Divina Comédia.

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

E ainda tem a Igreja onde teoricamente está enterrada o grande amor de Dante: Beatrice.

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A igrejinha de Santa Margherita era uma das menores e mais pobres igrejas do centro histórico de Firenze. A sua fama deriva do fato de ser a testemunha e a causa indireta do grande amor que nasceu no famoso poeta fiorentino Dante pela bela “Beatrice”.

Beatrice Portinari toda manhã saia da sua casa e ia até a pequena Igreja de Santa Margherita a rezar, acompanhada pela sua mãe Cecilia Caponsacchi.

Dante Alighieri, toda manhã, no mesmo horário, ia na mesma igrejinha e se apoiava na esquina do outro lado da estrada, para observar, escondido, a bela Beatrice pela qual acabou se apaixonando.

Poucas pessoas sabem, que naquela época, Dante e Beatrice eram apenas crianças e que o grande amor do poeta foi sempre puro e platônico.

Hoje, na pequena igreja de Santa Margherita, repousa os restos mortais de Folco Portinari, pai da bela Beatrice Portinari e da sua babá Monna Tessa.

Não se sabe ao certo se Beatrice foi sepultada na Igreja de Santa Margherita, mas também ninguém desmente. Existe uma lápide dizendo que sim, mas… Como Beatrice era casada com um membro da família Bardi, existe a possibilidade dela ter sido sepultada na Basílica de Santa Croce em Florença.

CONHECER O PALAZZO PITTI E SEUS MAGNÍFICOS JARDINS

Logo depois de atravessar o rio Arno, através da Ponte Vecchio, encontra-se o Palazzo Pitti, a maior residência de Firenze e também a mais majestosa. Composta de centenas de quartos e salas, hospeda também vários museus, e o maravilhoso Giardino di Boboli, verdadeira obra prima que reúne em seus diversos jardins várias esculturas e fontes nos seus mais de 45.000 metros quadrados.

Pallazzo Pitti - Firenze - Florença - Itália - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Florianópolis - Floripa - Santa Catarina - - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

ENTRAR EM QUALQUER UM DOS MUSEUS FIORENTINOS

Não importa se você gosta ou não de museus, em Firenze respira-se arte. Basta entrar no site oficial dos Museus Fiorentinos e escolher o seu. Na Accademia é possível visitar o verdadeiro Davi de Michelangelo, no Uffizi tem a famosa Venus e a Primavera (ambos de Sandro Botticelli), e assim por diante. Opção é que não falta!!!

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Hotéis em Florença

“Em Florença só tem edifícios antigos.”

É verdade que as cidades italianas são extremamente protetoras com o patrimônio histórico e, por consequência, sobra pouco espaço para novas construções. Mas por sorte, em Florença há sim modernidade podemos citar alguns (poucos) exemplos: Le Murate, Centro Comercial de Novoli, Palazzo del Tribunale di Giustizia, Opera Firenze, Igreja de São João Batista e Complexo Residencial CasaClima A.

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Acredita que estes edifícios estão em Firenze?

“Em Florença só tem Renascimento.”

Sabia que no século XIV Florença era a terceira maior cidade da Europa? Sabia que a sua moeda de então, o fiorino d’oro, era considerado como o dólar de hoje? Se Florença pôde se tornar o “berço do Renascimento”, foi graças à sua prosperidade em época medieval! Basta pensar nos edifícios construídos nesta época e que são as principais metas turísticas da cidade: Duomo di Santa Maria del Fiore, Igreja de Santa Croce, Palazzo Vecchio, Igreja de Santa Maria Novella…

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Mas se o que você quer ver é arte moderna e contemporânea, opção é que não falta: no último andar do Palazzo Pitti tem o Galleria di Arte Moderna com obras de 1700 a 1900; Na Piazza di Santa Maria Novella foi inaugurado em 2014 o Museo del 900′ com obras de 1800 e 1900; OPalazzo Strozzi e o Museo Salvatore Ferragamo costumam hospedar mostras temporárias de arte moderna; No Palazzo Medici-Riccardi, além do acervo permanente, também organizam mostras temporárias de arte contemporânea e fotografia.

Outro detalhe: O primeiro banco do mundo foi fundado na Toscana!!!!

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

O Monte dei Paschi di Siena é o banco mais antigo do mundo em funcionamento até hoje!

Fundado em 1472 pelos magistrados da República de Siena como um fundo de caridade. Seu nome inicial era Monte Pio, chamado Monte dei Paschi somente à partir de 1624 pois a renda das terras (pastos = paschi) eram usadas como garantia dos empréstimos agrários.

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

O ourives é a figura mais remota do que hoje conhecemos por banqueiro. O ouro era a única moeda de câmbio e eles ofereciam segurança para guardar a fortuna dos nobres. Durante a Idade Média surgiu o que hoje conhecemos como cheque. Uma solução segura para transportar dinheiro durante as viagens comerciais pela Europa. O primeiro banco como conhecemos hoje só surgiu no Renascimento, em Gênova: o Banco de San Giorgio, fundado em 1406.

PAI DA PÁTRIA

Cosimo ganhou esse título pela grande influência política e cultural que exercia em Florença.

O discreto Giovanni di Bicci de Medici nasceu numa família modesta em Florença, muito cedo ficou órfão de pai e com uma pequena herança, compartilhada com cinco irmãos, fundou a poderosa e famosa dinastia Medici – família de banqueiros que viveu o seu apogeu e queda durante o século XV, na cidade italiana banhada pelo rio Arno. Pouco afeito à política, Giovanni passava os dias ensimesmado, conferindo os seus livros-caixa e preocupado com lucros e mais lucros – chegou a ter mais de 20 bancos espalhados pela Europa. A trajetória dessa família, de seu poder econômico e de sua influência na promoção da arte é contada pelo escritor britânico Tim Parks no livro O banco Medici.

Giovanni Medici já possuía uma respeitável fortuna em 1410 e era uma personalidade influente. Foi nesse momento de sua vida, raro momento de desvio de atenção de seus negócios, que ele se voltou ao cenário internacional. O motivo era importante e havia rentáveis favores a colher: o mundo vivia a expectativa do retorno do papado à Roma, depois do Grande Cisma, ocorrido na Igreja Católica, e Medici apostou que o novo papa seria um italiano, o que de fato se consumou. Em troca de seu apoio, as instituições religiosas de Roma e outras autoridades da Igreja passaram a fazer vista grossa para a usura (assim era chamado o empréstimo feito mediante cobrança de juros) e também passaram a utilizar os seus bancos. Uma troca de interesses perfeitamente bem casados. Religião, investimentos e arte estiveram assim intimamente interligados ao longo do século no qual perdurou o império bancário dos Medicis. A linhagem de banqueiros, em pouco tempo tornou- se uma dinastia real.

Cosimo, o filho de Giovanni, assumiu o comando das operações após a aposentadoria do pai e seguiram-se anos gloriosos. O sucessor ficou conhecido na Itália como o Pater patriae, o pai de sua pátria, pela sua influência política e artística em Florença. Cosimo era amigo de filósofos, pintores e arquitetos e se fazia rodear de mulheres. Sempre há risco quando se combina muitos negócios com muito prazer, mas o seu temperamento hedonista não o distraiu do objetivo principal de sua vida: ganhar mais dinheiro. Cosimo foi um dos mais importantes artífices da expansão e do enriquecimento do banco e da família nessa segunda fase de seu império financeiro.

O papel de mecenas cultural da família Medici fez de Florença o berço do Renascimento italiano, com artistas geniais como Leonardo da Vinci, Michelangelo Buonarroti, Dante Alighieri, Filippo Brunelleschi e Niccolò Machiavelli. O gosto pelas artes seria ainda mais valorizado pelo neto de Cosimo, Lorenzo, poeta e dono de um particular senso estético e cultural – ele foi um dos principais operadores de uma complexa rede de atividades culturais promovidas pelo banco. Para agradar à Igreja, Lorenzo financiou a restauração do mosteiro de São Marcos. Em troca, recebeu uma bula papal que o absolveu de seus pecados. Também pagou por San Lorenzo, a igreja da família Medici, e construiu o maior palácio particular da cidade. A essa altura, porém, as sucessivas guerras que assolavam a Europa e o crescimento do movimento contra a nobreza prejudicavam os negócios dos Medicis, identificados com esses interesses.

Os cinco Medicis

Mecenato Botticelli era um dos contratados dos Medicis.

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

“Florença é pequena, dá pra fazer em 1 dia!”

A primeira parte desta afirmação pode até ser verdadeira, pois Florença conta com pouco mais de 550 mil habitantes e a maior parte do seu patrimônio histórico e artístico estão em distâncias que podem ser facilmente percorridas à pé! Mas a segunda parte é um erro dos grandes!!! Florença não é feita somente da Piazza Duomo, Piazza della Signoria, Uffizi, Accademia e Ponte Vecchio. Em 3 dias você não terá tempo nem de atravessar o Rio Arno pra conhecer Palazzo Pitti, os Jardins de Boboli e o Oltrarno!

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

“Na Toscana é tudo pertinho, dá pra fazer várias cidades em um dia só!”

Tire essa ideia da cabeça, só Firenze merece uns cinco(5) dias no mínimo.

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A maioria das estradas que interligam essas pequenas cidades da Toscana são internas, com limite de velocidade de 50 Km/h, e nem que você queira dá para ir mais rápido, pois elas são muito tortuosas. Logo, esses míseros 60 Km de distância, você irá percorrer mais de 1 hora. À parte tudo isso: slow travel. Não mais de 2 cidades por dia, combinado?

Lucca - Firenze - Itália - Toscana - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo
O Chianti no outono, inverno e verão.

Com isso creio que escolhemos um bom nome:  TOSCANO BRASIL,  o que você acha?

Viaje com essência e estilo, viaje TOSCANO BRASIL!

Viaje Toscano Brasil @Ahoba Viagens

A gente se vê por aí, em algum lugar do Universo!!!

Bacio!

Rey & Ká

Porcelino - Firenze - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A MAIOR OBRA GÓTICA DO MUNDO

D'Uomo - Milão - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Esta maravilha merece ser citada sempre.

D’uomo di Milano. Precisa dizer mais ?  Se você nunca foi lá, comece assim: Pegue o metrô, desça na estação D’uomo, suba as escadas na direção da Catedral, mas vá de cabeça baixa até o último degrau. Respire fundo, levante a cabeça e…

A História

1) Dimensões

O Duomo de Milão é considerada a terceira maior catedral do mundo, depois da Basílica de São Pedro no Vaticano e da Catedral de Sevilha com quase 12.000 metros quadrado de área construída.

Na parte interna, ele é alta 45 metros, larga 56,70 metros e tem 148,5 metros de comprimento.

2) Construção

A construção começou em 1386, de trás para frente, partindo da abside e “abraçando” a Basílica de Santa Maria Maggiore, que era demolida por partes e que funcionou por séculos como fachada 55. provisória do Duomo.

D'Uomo - Milão - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Em época medieval, o canteiro do Duomo foi um dos maiores da Europa, trazendo para Milão centenas de escultores, engenheiros, arquitetos, vidraceiros e artesãos de toda o continente.

A catedral foi completada em 1813, quando foi construído a parte superior da fachada que faltava.

3) Veneranda Fabbrica Del D’Uomo di Milano

Tão antiga quanto a catedral, a Veneranda Fabbrica del Duomo di Milano é a instituição fundada por Gian Galeazzo Visconti em 1387 para cuidar das arrecadações de fundos, da construção da catedral e dos seus interesses em geral.

4) Mármore de Candoglia

O Duomo de Milão (Veneranda) é proprietária do seu próprio fornecedor de mármore (de Candoglia).

A jazida em Candoglia era propriedade da família Visconti até Gian Galeazzo doar tudo a Veneranda Fabbrica, que a explora para a manutenção da catedral até hoje (se diz que ainda tem mármore para construir uma outra catedral).

5) Subterrâneos

Parte dos subterrâneos do Duomo (em correspondência da contra fachada) conserva os restos arqueológicos da basílica romana de Santa Tecla e do batistério, também romano (sec. IV) de San Giovanni alle Fonti.

Com uma profundidade de cerca 4 metros, a área foi descoberta durante as escavações para a construção do metrô nos anos 60.

D'Uomo - Milão - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

6) Meridiana

Na entrada da catedral, no chão, é possível ver uma linha de cobre que corta a catedral da direita a esquerda, decorada com os signos do zodíaco. É a meridiana do Duomo, um calendário solar colocado na catedral no final do século 18.

Sempre do lado direito (nave direita), no teto, é possível ver um minúsculo furo por onde a luz do sol ao meio-dia entra, marcando no chão o período do ano.

D'Uomo - Milão - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

7) Prego Sagrado

Uma das lendas que fazem parte da história do Duomo de Milão, é a de que ele conserva um dos 3 pregos sagrados da cruz de Jesus, doado a cidade pela imperatriz Helena, mão do imperador Constantino (quando esse era imperador de Roma e a capital era Milão – sec. IV).

O prego fica na abside da catedral, onde uma luz vermelha o identifica. Todos os anos, no segundo sábado de setembro, o Cardeal Arcebispo de Milão sobe dentro de uma estrutura que parece uma nuvem, pega o prego e desce, deixando-o exposto por 2 dias para a admiração dos fiéis.

Só para constar nos registros: os pregos sagrados nas igrejas pelo mundo são mais de vinte.

8) Agulhas e Estátuas

O Duomo tem 135 agulhas, cada uma com uma estátua. Um museu de esculturas a céu aberto, a catedral conta no total (interior e exterior) com cerca de 3.400 estátuas.

A primeiríssima e única estátua por muito tempo foi a estátua Carelli, que leva o nome de um grande doador do Duomo, o comerciante de escravos Marco Carelli. A estátua fica na parte de trás, ao lado direito e é a única que segura uma espécie de bandeira. Seria o duque Gian Galeazzo Visconti nas vestes de São Jorge.

O resto da decoração, ainda que já fosse presente no projeto original, foi colocada a partir do século 19, depois da conclusão de boa parte da construção.

9) São Bartolomeu

Das 3.400 estátuas do Duomo, a que faz mais sucessos entre adultos e crianças, é uma estátua na parte de dentro, colocada no fundo da nave direita (indo em direção ao altar).

Fotografadíssima, todos se perguntam quem é aquele homem tão “musculoso”. É São Bartolomeu Apóstolo, representado em uma linda estátua renascentista do século 15 do escultor Marco Agrate, no seu doloroso martírio: ele teve a pele arrancada.

O que parece ser o manto que cai pelo seu corpo, é na verdade a sua pele. Para entender melhor a estátua, observe-a de lado e na parte de trás. É surpreendente e linda, mesmo na sua imensa crueldade.

D'Uomo - Milão - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Você estará de frente a maior e mais bonita obra gótica do mundo…. Entre, contemple, suba na parte superior (sobre o teto), desta maravilha da humanidade. São incontáveis “gárgulas” protegendo essa imensidão. Tem uma imagem do Apóstolo São Bartholomeu que é simplesmente “amazing”. De tão bonita que a tenho tatuado na perna. Numa das vezes que estive lá um senhor me perguntou o porquê eu estava há tanto tempo admirando a estátua e eu simplesmente lhe mostrei a “tatoo”.  Imaginem:  Ele pediu para fotografar pois tinha um irmão que era devoto de São Bartholomeu e que jamais acreditaria na história que alguém tinha esta tatuagem, só enviando a foto para um amigo…..

10) Madonnina

Muito devotos de Nossa Senhora, os Visconti dedicaram a nova catedral da cidade a ela. A enorme estátua de bronze folheada a ouro que brilha sobre a cidade e é colocada na agulha maior, é a milanesíssima Madonnina.

D'Uomo - Milão - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

No alto da D’uomo temos tão somente a ” – Padroeira di Milano (Madonnina), zelando pela “Pátria mia”.

Tão importante como símbolo da cidade como a própria catedral, a ela os milaneses dedicaram uma conhecida música em dialeto e até uma regra que dizia que nenhum prédio poderia ser mais alto do que a Madonnina em Milão.

Uma árvore gótica negra no interior desta imensa Igreja:

Árvore Gótica - D'Uomo - Milão - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Bom galera, o negócio é ir à Milano e apreciar esta maravilha do mundo moderno.

Por vim uma vista da D’uomo á noite e vale lembrar que ela é feita (só) de 100% mármore…

D'Uomo - Milão - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A gente se vê por aí, em algum lugar do Universo!!!

Bacio!

Rey & Ká

Vale Nevado - Chile - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

PRAGA – A PÉROLA DO ORIENTE

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Conhecida como Pérola do Oriente, a cidade de Praga, capital da República Tcheca, tem a fama de seduzir pessoas.

Como já dizia o escritor Franz Kafka sobre a cidade onde nasceu: “Praga não deixa a gente ir embora, esta velha tem garras”. Cada bairro é um atrativo e cada rua é uma obra de arte.

Mozart e Franz Kafka moraram em Praga.

Com 1,3 milhão de habitantes, a capital da República Tcheca tem no turismo a sua principal atividade econômica, o que se revela em centenas de hotéis e restaurantes a preços módicos, e outros tantos onde o luxo e a sofisticação combinam com a arquitetura suntuosa e preservada. Dos dois lados do rio Moldava, o centro histórico de Praga é Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO.

Na Cidade Velha, a Praça Central e seus arredores reúnem fachadas góticas, renascentistas, barrocas e neoclássicas, em monumentos como o Relógio Astronômico, o Palácio Goltz-Kinsky e a Igreja de Nossa Senhora diante de Tyn. A praça vive lotada durante o dia, atrai músicos e atores divulgando seus espetáculos, tudo sob a bênção de Jan Hus, o herói local da Idade Média que morreu nas fogueiras da Inquisição. A poucos passos dali, a Ponte Carlos leva ao Castelo de Praga e seus mil anos de história, o que inclui as disputas políticas e religiosas do Império Austro-Húngaro, da Primeira Guerra, da ocupação nazista, das décadas de comunismo soviético e, enfim, da Revolução de Veludo, esta no final do século 20, quando Praga se reinventou para o mundo.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

DEZ RAZÕES PARA CONHECER PRAGA

1) Beleza. Bellíssima!!! Não se limita à beleza que o turista espera habitualmente, refletida em monumentos e locais famosos.  A estética é levada muito a sério pelos checos, que colocam um esmero em tudo o que tocam, no sentido de o tornar bonito. E depois, a beleza natural, presente nos parques, jardins e florestas de Praga.

2) Variedade. Praga oferece de tudo, para todos os gostos, sem limites. O que quer que aprecie, que goste, que o divirta, vai encontrar aqui. Cultura. Vida noturna. Comércio. Monumentos deslumbrantes. Passeios na natureza. Gastronomia. As opções são imensas, o tédio, um inimigo desconhecido. Até no clima reina a diversidade: A neve de Inverno ou o ambiente relaxado dos longos dias de Verão; a natureza verdejante da Primavera, ou os tons dourados que tudo cobrem no Outono.

3) Classe. Praga é uma das capitais imperiais da Europa. Muita História se fez por aqui, e isso sente-se. Durante séculos a nossa civilização gravitou em redor destas grandes cidades da Europa Central. Figuras de projeção mundial, como Einstein e Kafka pisaram estas ruas, que se mantiveram inalteradas ao longo dos séculos.

4) Segurança. Não é todos os dias que nos podemos dar ao luxo de sentir seguros. Menos em Praga. Aqui, ninguém tem medo de sair à noite, de circular por lugares ermos, seja lá onde for e a que horas for. O crime com uso de violência é residual e não há necessidade de olhar por cima do ombro a cada esquina.

5) Acessibilidade. Se escolher um hotel central, tudo o que tem a fazer é caminhar um pouco em redor, e terá acesso a todos os pontos gloriosos da cidade de Praga. Trata-se de uma cidade cujo centro histórico é bastante compacto, e, sobretudo quando visita pela primeira vez, o turista não sentirá necessidade de se afastar deste núcleo. Se for flexível e não quiser usar transportes públicos, é certo que não precisará de o fazer, exceto, claro, no trajeto para o aeroporto. De resto, a rede de transportes públicos é exemplar, com os veículos a passar “britanicamente” a hora que consta no horário, e vão por toda a cidade de forma eficiente e rápida.

6) Centralidade. Praga encontra-se no centro do país e este no centro da Europa.Praga é de fato o centro da Europa. É muito simples viajar pela República Checa estando baseado na sua capital; mas talvez mais importante que isso é a facilidade com que chega a outras cidades famosas da Europa: até Berlin são 280 km; Dresden fica a pouco mais de 100 km; Budapeste, a 430 km; Viena, a 250 km; Cracóvia, 400 km. É um mundo à sua espera.

7) Preços. Praga é ainda uma cidade barata, sobretudo do ponto de vista do turista: comer e beber, cultura, transportes… todos estes bens e serviços se obtém a preços muito convidativos, mesmo sendo em euros. 

8) Comunicação. Quase todo mundo fala Inglês, e assim não terá dificuldades em Praga; qualquer restaurante ou loja, dá para se virar bem falando em Inglês. Até porque nos percursos usuais do turista regular, as pessoas estão mais do que habituadas ao Inglês de ocasião, que serve para o necessário.

9) Genuína e local. Num mundo cada vez mais global, os Checos resistem ainda às pressões do exterior. O Mercado Comum Europeu não é lá muito popular. Depois de séculos sendo dirigidos por capitais estrangeiras, não estão com muita vontade de serem agora controlados por Bruxelas. Nas ruas, vêem-se algumas faces orientais, provavelmente vietnamitas… e pouco mais. Praga não é uma cidade multicultural: Praga é Checa, em toda a sua extensão. E os Checos não vivem para agradar aos estrangeiros. São eles próprios, vivem à sua maneira, e se observar com atenção, verá uma atitude de vida que todos ambicionam.

10) Notoriedade. Praga é um dos destinos turísticos “top” na Europa. Ou seja, é notoriamente interessante. Pense assim: se toda esta gente, proveniente de países dos cinco continentes e com experiências e culturas distintas, escolhe Praga, então alguma razão tem nisto. Além disso, este extenso mercado beneficia o turista nos mais pequenos detalhes: é fácil encontrar informações sobre Praga, existe uma extensa estrutura vocacionada para o turismo, o Governo mantém um controle estrito sobre os agentes turísticos locais.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

DICAS DO BLOG

Comece o dia em um dos cafés históricos. Escolha aquele esteja mais próximo do seu hotel: Imperial, Slavia, Louvre, Savoy ou Orient. Explore pela manhã a “Cidade Velha” (Staré Mesto) cuja origem remonta ao século X.

Participe da visita guiada ao edifício do Relógio Astronômico. Dá para ver em 45 segundos que duram a procissão, os Apóstolos, acompanhados pela Vaidade, Avareza, a Morte e o Turco, que neste caso representa a invasão pagã.

Se quiser comer com estilo por esta região, terá o Siddharta Café, que fica dentro do Buddha Hotel. Durante a semana na hora do almoço oferecem um menu de 2 pratos por 290 CZK (R$ 30,00) ou de 3 pratos por 350 CZK (R$ 36,50), uma taça de vinho sai por 150 CZK (R$ 15,60). Outra opção com vistas incríveis é a cobertura do Hotel U Prince. Espere gastar entre 15 e 25 euros por pessoa.

Para algo mais econômico,a deliciosa comida de rua. Na própria praça onde fica o relógio há várias barraquinhas onde encontrará entradinhas, prato principal e até a sobremesa.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Na Praça da Cidade Velha destaca uma grande construção com duas torres, a Igreja de Nossa Senhora de Týn, que remonta a 1365. A entrada grátis, para encontrar a porta, fique de frente para ela, e verá um edifício creme com 4 arcos, atravesse um destes arcos para dar com a entrada. Do gótico para o barroco, a Igreja de São Nicolau. Total contraste com a de Týn, com um interior cheio de dourado e curvas.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

As ruelas da Cidade Velha vão te levar diretamente a um dos poucos edifícios cubistas do mundo, a Casa da Madona Negra, e de lá para a Porta da Pólvora (Prasná Brána). Que começou a ser construída em 1475, mas o Rei Ladislau II mudou a Corte Real para o Castelo de Praga. E só retornaram 400 anos depois, em 1875! Apesar do abandono é umas portas originais de Stare Mesto.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Da cidade antiga para Zizkov, um bairro predominantemente residencial. É só pegar o bonde 5 em Namestí Republiky (sentido Ústredni dilny DP) e descer em Lipanska, caminhar 600 metros até a Torre de Televisão de Zizkov (Zizkovský vysílac).

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Construída entre 1985 e 1992, mede 216 metros de altura. Sua estrutura consiste em 3 grandes pilares de concreto que sustentam as torres de transmissão, e também 3 salas de observação, um restaurante, um café e um apartamento de luxo de 6 estrelas, o OneRoom Hotel.

Pela torre sobem engatinhando bebês gigantes do artista David Cerny. Era para ser uma exposição temporária, mas as pessoas gostaram tanto que foram ficando e viraram elenco fixo.

São de fibra de vidro, mas há outros bebês do artista no Kampa Park, que são de bronze.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A entrada custa 180 CZK (R$ 18,80), e aproveite para tomar um drink “diferente” no bar, como o “East Frappé” que leva o licor tcheco, Becherovka (fabricado com 34 ervas!) e uvas vermelhas.

Aproveite para jantar pelo bairro. Quem sabe comer um belo hamburger no The Tavern, que oferece opções para vegetarianos.

Dia de Mucha, o grande modernista tcheco tem um museu em Praga. Com sorte você poderá apreciar a “Epopéia Eslava” no Veletrzni Palac.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Visite o Veletrznic Palac, pegue o bonde 12 até lá. E se você ainda tiver fôlego, pode combinar a “Epopéia Eslava” com a coleção de arte moderna e contemporânea do museu, e ver Klimt, Picasso, Van Gogh, entre outros.

Na região, os prédios em sua maioria são do século 19. Um mais lindo do que o outro, no estilo conhecido como art nouveau, que é o mesmo adotado pelo Gaudí lá em Barcelona.

Vá à Praça Wenceslau. Foi aqui que milhares de pessoas se reuniram para protestar contra o governo comunista no movimento que ficou conhecido como “Revolução de Veludo”, em 1989.

Veja também:

– Palácio Koruna, também art nouveau, lá no alto dá para ver esta coroa de pérolas no final da torre.

– Grand Hotel Europa, outro exemplo de art nouveau.

– Edifício Melantrich, desde a sacada que dá ao Tramvaj Café, o Vaclav Havel e o Alexander Dubeck anunciaram o fim do comunismo (atualmente é uma loja de Mark & Spencer).

– Casa Lindt ou Palácio Astra – a primeira obra funcionalista do país, construído entre 1924 e 1927 para o comerciante e industrial Lindt, com funções comerciais e residenciais.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Da Praça Wenceslau para um edifício que tem um apelido ótimo “Fred e Ginger”. Construído em 1996 por Vlado Milunic e Frank Gehry. O Prédio Dançante pode ser visto por fora, vale a pena ir até lá para vê-lo! Representa um homem apertando uma mulher na altura da cintura para conduzi-la pelo salão de baile.

A distância entre a praça e a o edifício dançante é de 1,3 km. O bonde 14 faz este trajeto.

Dá para subir até o último andar do edifício, mas para isso necessita reservar uma mesa no restaurante “Ginger e Fred”.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Cruze para o outro lado do rio em direção à Mala Strana, uma boa caminhada, se preferir pegue um bonde até a Igreja da imagem do “Menino Jesus de Praga”, provavelmente esculpido em Andaluzia no século 16 para ser um presente de casamento onde a noiva era espanhola e o marido tcheco.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A 350 metros tem o Muro de John Lennon que foi criado logo após a morte do artista, com o rosto do John, frases políticas e trechos de músicas dos Beatles.

A parada final em Mala Strana é a Igreja de São Nicolas. Em estilo barroco é incrivelmente bonita. Mozart tocou o órgão de 2.500 tubos em 1787. Dá para subir na torre do sino, são 215 degraus, e o ingresso custa 70 CZK (R$ 7,35).

Da igreja para o outro lado do rio novamente, desta vez cruzando pela ponte mais famosa da cidade, a Ponte Carlos. Sem dúvida o jeito mais charmoso de cruzar o Rio Moldava. Tem 516 metros de comprimento, e acolhe verdadeiros shows de músicos locais. Está decorada com 30 estátuas de santos, e no final do dia está sempre cheia de gente que quer uma foto do por do sol com o Castelo de Praga ao fundo.

Para um jantar especial, vá ao Kampa Park (reserva necessária) ou faça um cruzeiro pelo Moldava com música ao vivo no Jazz Boat. O programa começa às 20:30 e termina às 23:00 horas. As bebidas e gorjetas se pagam à parte.

Suba a Hradcany para visitar o Castelo de Praga. Com a entrada você pode sair do complexo e retornar sem problema nenhum. Se quiser comer com umas vistas estonteantes, e provar de uma das melhores cozinhas da cidade, vá até o Aria Hotel.

Do castelo para um mirante natural onde se construiu um outro inspirado em Paris. O caminho é lindo, passando pela Igreja de São João Neponuceno, construída em 1729. Seguindo pelo centro de peregrinação cristão, Loreta, que mantém uma réplica da Casa da Virgem Maria, onde teria ocorrido a Anunciação. E a partir dela se construiu o claustro e as capelas. Também no meio do caminho um mosteiro com uma biblioteca impressionante, o Mosteiro de Strahov. Fundado em 1.143 por Vladislau II.

Importante que saiba que como Petrín se trata de um mirante natural, o caminho até lá é inclinado. Está a 318 metros de altura, e seu em torno é uma das maiores zonas verdes da cidade. Enquanto a inclinação, não se preocupe, também dá para subir de funicular.

Esta região já foi lugar de vinhedos e de uma grande pedreira, de onde saiu o material para muitos dos edifícios românicos e góticos de Praga.

Não perca a chance de subir na réplica em menor escala da Torre Eiffel, com 62 metros de altura. Construída em 1891 para a Exposição de Praga. Para chegar no topo são 299 degraus. A entrada custa 120 CZK (R$ 12,51).

Dá para jantar por aqui vendo o por do sol no Hotel Nebozízek. Outra opção é cruzar a ponte para ir a umas cervejarias tradicionais da cidade, a Kolkovna. Vá na filial da Celnice.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

PONTE CARLOS

A Ponte Carlos foi construída pelo imperador Carlos IV, que deu nome a um monte de construções que fez por lá. Mas esta ponte parece ser a construção mais imponente e mais bonita do imperador. Ela é magnífica, sem exageros! Tem 516 metros de comprimento e 10 de largura, por onde se espalham turistas tentando captar os muitos ângulos maravilhosos que a ponte oferece. A ponte liga a cidade velha ao Malá Strana, bairro das mansões e palacetes da cidade. E por todo o percurso, 30 estátuas barrocas em homenagem a vários santos decoram o percurso, o que deixa a caminhada ainda mais linda. Dica: vá no anoitecer (ou amanhecer, se você tiver pique) a luz é divina nesta hora, porque o sol nasce de um lado da ponte e se põe no outro lado!

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A Cripta dos Paraquedistas

História

Foi em 1942 que um comando de militares checoslovacos assassinou o administrador nazi do Protectorado da Boémia e Morávia, nome atribuído à região que hoje quase coincide com a República Checa pelos alemães que ocuparam o país em 1938. Os Dias que Abalaram Praga: O Assassínio de Heydrich.

Cripta da Igreja de São Cirilo e de São Methodius, assim denominada em honra dos dois religiosos que criaram o alfabeto cirílico.

Foi neste templo Ortodoxo que se esconderam os para-quedistas envolvidos na operação, assim como alguns outros que, por razões diversas, se encontravam clandestinamente no território.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Não se sabe o que teria acontecido se o traidor Karel Čurda não se tivesse entregado às autoridades alemãs e revelado a localização do esconderijo. Na posse dessa informação os ocupantes desencadearam uma operação contra a igreja. Primeiro procuraram nos locais mais óbvios e por fim, acabaram por avistar os homens do comando, que se encontravam no topo das escadas que davam acesso à cripta.

Iniciou-se uma batalha que demorou cerca de oito horas. Os homens encurralados refugiaram-se na cripta, bloqueando a entrada. Os atacantes tentaram desalojá-los recorrendo ao corpo de bombeiros, que introduziram mangueiras na pequena fresta onde ainda hoje se podem ver as marcas dos projéteis numa tentativa de forçar os resistentes a sair do abrigo.

O tiroteio terminou apenas quando as munições dos defensores se esgotaram. Quase todos os checoslovacos se suicidaram, pela ingestão de veneno e pela utilização da última bala.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

O Espaço da Cripta

O espaço onde os dramáticos acontecimentos tiveram lugar é hoje um pequeno museu. A entrada dá-se por uma pequena porta sob o acesso principal da igreja, a que se chega depois de se passar pela placa evocativa da batalha. Um memorial colocado sobre a fresta, quase ao nível do solo, de onde os defensores dispararam sobre os alemães que os cercavam.

Numa primeira sala encontra-se uma exposição com objetos, imagens e documentos alusivos não só à operação Antropoide (o assassinado de Heydrich) mas também ao período de ocupação nazi.

Dali, através de uma porta muito especial, passa-se à cripta propriamente dita. É um espaço bem preparado, sombrio, que transmite uma atmosfera adequada. Ao fundo avistam-se os degraus usados naquele fatídico dia. Primeiro pelos para-quedistas, para se refugiarem nas profundezas do subterrâneo. E depois, quando tudo terminou, pelas botas cardadas dos alemães, que finalmente logravam invadir o espaço.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Cada um dos sete mortos checoslovacos tem ali um busto comemorativo, em tamanho real, feito de bronze, adornado por uma flor encarnada. Existem alguns elementos evocativos, poucos, para preservar o ambiente original da cripta. Um pequeno painel descreve os homens que ali perderam a vida e apresenta uma fotografia de cada um deles.

Depois ganha-se uma nova perspetiva sobre a localização da abertura para a rua e como teria sido difícil aos homens encurralados defenderem-se do ataque por ali.

Resumindo, para quem tem interesse em História, especialmente em História Militar, este é um espaço a não perder. A atmosfera é intensa e, de qualquer modo, o custo do bilhete (ver abaixo) é reduzido.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Horário: Entre Março a Outubro, encerra à Segunda-feira e está aberto das 9 às 17 horas. Entre Novembro a Fevereiro encerra também aos Domingos.

Bilhete: 150 CZK

Website Oficial: www.pamatnik-heydrichiady.cz

O Bairro Judeu – Josefov – é outra região que não pode faltar eu seu roteiro. De início uma cidade independente, sua origem vem desde a idade média, quando era habitado por duas comunidades, os judeus vindos do ocidente e aqueles originários do Império bizantino. Durante séculos foram perseguidos, sendo que já no século 16 eram obrigados a usar um círculo amarelo em suas roupas, para identificá-los. Foi o imperador José II, em 1784 que acabou com esta discriminação e incorporou o bairro judeu à cidade de Praga.

O bairro judeu atual (o antigo foi demolido) tem como atrações históricas seu cemitério (Starý Zidovský Hrbitov, fundado em 1478, com 12 mil lápides e sepulturas de até 12 camadas), Convento de Sta. Inês (Kláster Sv. Anezky, fundado em 1234 e onde hoje funciona a Galeria Nacional) e Sinagoga Staronová (construída em 1270, a mais antiga sinagoga da Europa).

Alguns destaques do Mala Strana são a rua Mostecká, rua Nerudova, Palácio Wallenstein, Casa e Igreja de S. Tomás (U. Sv. Tomáse), Igreja de S. Nicolau (Kostel Sv. Mikuláse), Praça de Malá Strana (Malostranské Namésti), e Jardim Ledebour (Ledeburská Zahrada). Mas não limite sua exploração aos lugares conhecidos e não hesite em fazer novos roteiros e suas próprias descobertas. Esta é uma região pequena, assim todos estes lugares estão relativamente próximos entre si.

Praga - República Tcheca - Leste Europeu - Pérola do Oriente - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A Toscano Brasil @Ahoba Viagens preparou um roteiro especial que passa por Praga, Budapeste, Berlim e Viena. Aproveite e realize a viagem dos seus sonhos, com essência e estilo.

Viaje Toscano Brasil @Ahoba Viagens

A gente se vê por aí, em algum lugar do Universo!!!

Bacio!

Rey & Ká

Vale Nevado - Chile - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

SIENA – ITÁLIA: ECOS MEDIEVAIS

Duomo - Siena - Toscana - Itália - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

SIENA! Cercada por campos de oliveiras e parreirais, encantadora por sua arquitetura gótica, pequena em tamanho: Aproximadamente 30 mil habitantes, espalhados em 118 quilômetros quadrados de território total, mas com centro urbano em tamanho exato para ser desbravado a pé. A Siena das vielas que transpiram história, enfileiram floreiras nas janelas e obras de arte nas ruas e nos museus é uma das mais belas cidades medievais da Itália.

Piazza del Palio - Siena - Toscana - Itália - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Epicentro turístico e da vida local, a Piazza del Campo acolhe os visitantes e os moradores que se acomodam ao ar livre quando o tempo está bom. Há cafés com mesinhas na calçada e restaurantes. Sentar ali é admirar a história local de camarote. A praça foi erguida em meados do século 12 sob ordem do Consiglio dei Nove, um grupo de burgueses em guerra com os senhores feudais da ocasião, no exato ponto onde antes existia um mercado romano.

Em 1346, a praça ganhou a Fonte Gaia na parte mais elevada. Ficam ali os painéis que reproduzem a mítica cena da criação da Itália, a da loba que amamentou os gêmeos Rômulo e Remo. São reproduções: os originais, feitos por Jacopo della Quercia no início do século 15, foram levados ao Complesso Museale Santa Maria della Scala, outra visita interessante.

Piazza del Palio - Siena - Toscana - Itália - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Siena - Toscana - Itália - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Na parte baixa da Piazza del Campo, o Palazzo Comunale é uma linda construção em estilo gótico de 1297, onde funciona a prefeitura. E também um imperdível mirante: a Torre del Mangia deixa ver a cidade de uma altura de 102 metros, mas cobra seu preço em euros (€ 8) e em disposição física. É preciso subir 500 degraus, em grupos de 30 turistas por vez, o que pode demandar alguma paciência para esperar a vez.

Também no perímetro da praça central está o Museo Civico (€ 8), que, diferentemente dos demais, possui afrescos que foram encomendados pelo governo. Por isso, seus desenhos retratam não as tradicionais cenas religiosas, mas acontecimentos históricos, como a campanha de unificação da Itália. Entre as obras-primas do museu destaca-se Maestá, de Simone Martini. Concluída em 1315, é a primeira obra do pintor, que mostra a Virgem cercada por santos e anjos.

Duomo - Siena - Toscana - Itália - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Em verde, branco e vermelho, a fachada do Duomo, projetada por Giovanni Pisano, destaca filósofos e profetas do século 13, quando a catedral começou a ser construída (em 1215). É considerada obra-prima da arquitetura gótica italiana.

Duomo - Siena - Toscana - Itália - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

O passeio é outro dos fundamentais e repletos de referências visuais do que se deve fazer em Siena. No interior, 56 painéis decorados por 40 artistas, produzidos durante cerca de dois séculos, tratam de temas históricos e bíblicos. Na Libreria Piccolomini, salão erguido para receber os livros que pertenceram ao Papa Pio II, afrescos pintados entre 1502 e 1507 mostram episódios da vida do então pontífice.

Mais de cem anos depois da construção original, o governo local decidiu ampliar a catedral para transformá-la em uma das maiores igrejas italiana. Surgiu, então, o Duomo Nuovo, que não foi concluído por causa da peste negra, que assolou a Europa a partir de 1348.

Também faz parte do complexo o Museo dell’Opera, um dos museus privados mais antigos da Itália. Nele estão as imagens originais que enfeitavam a catedral. Uma observação atenta revela distorções e inclinações: as imagens foram projetadas para serem vistas de outro ângulo, a partir do chão.

Palio di Siena - Toscana - Itália - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Entre bairros. A tradição começou no meio do século 17. Para celebrar uma suposta aparição da Virgem Maria pelos arredores, criou-se uma corrida de cavalos que ocupa a Piazza del Campo em 2 de julho e 16 de agosto.

Participam do Palio de Siena representantes de 10 dos 17 bairros (ou paróquias) da cidade, que disputam a posse de um estandarte de seda enfeitado com seus símbolos próprios. Primeiro, desfilam em trajes históricos; depois, dez cavaleiros e seus cavalos galopam, em alta velocidade, por uma pista de terra instalada para a corrida.

Trata-se do principal evento turístico da Toscana. No dia da festa, é preciso chegar à praça com quatro a cinco horas de antecedência. Para ver de camarote do terraço de um dos cafés, o assento chega a custar 400 euros, com reserva feita via agências de turismo da cidade cerca de um ano antes.

DICAS DO BLOG

Piazza del Campo

Piazza del Campo é única, com sua forma da concha, que abraça o resto da praça e seus edifícios símbolo. A Piazza del Campo acolhe, duas vezes por ano (em 02 de julho e 16 de agosto), o famoso Palio di Siena, um evento emocionante e o mais esperado por todos os cidadãos em Siena.

Na praça, você pode admirar a Fonte Gaia, a maior fonte da cidade originalmente decorada com esculturas de Jacopo della Quercia. A fonte, como podemos ver hoje é uma cópia feita em mármore de Carrara, que é muito mais forte do que o mármore do Montagnola usado por della Quercia. A antiga Fonte Gaia ha foi restaurada e é visível dentro do complexo de museus de Santa Maria della Scala.

Museo Civico

Entre os edifícios na Piazza del Campo, eu indico a visita ao Palazzo Comunale (ou Palazzo Pubblico, que é a Câmara Municipal da cidade) e a Torre del Mangia. O imponente Palazzo Comunale, abriga o Museu Cívico com várias obras-primas de artistas de Siena, incluindo a bela Maestà de Simone Martini e do ciclo de afrescos chamado “Bom e mau governo” de Ambrogio Lorenzetti. Ambos são bastante interessantes e você não pode perder!

Para aqueles que querem visitar tanto o Museu Cívico e Santa Maria della Scalla, eu recomendo comprar o bilhete combinado (disponível somente na bilheteria da Torre), que custa € 13.

Torre del Mangia

A Torre del Mangia, com 87 metros de altura, oferece uma das mais belas vistas da cidade. A subida pode ser um pouco cansativa, são 500 degraus, um pouco íngremes e estreitos, mas a vista de 360° no topo da torre é realmente espetacular e vale a pena o esforço para alcançar o topo.

Para aqueles que querem visitar tanto o Museu Cívico e a Torre del Mangia, eu recomendo comprar o bilhete combinado (disponível somente na bilheteria da Torre), que custa € 20.

Duomo di Siena

A partir daqui, o nosso passeio de Siena continua para o precioso Piazza del Duomo. Aqui você vai desfrutar de alguns dos mais magníficos tesouros do Siena, que eu recomendo que você visitar : a Catedral, a cripta e a Biblioteca Piccolomini.

Para visitar estes Monumentos compre o passe OPAS, um bilhete cumulativo que lhe permite visitar: a Catedral, a Cripta, a Biblioteca Piccolomini, o Batistério e do Museu da Opera del Duomo, onde você pode apreciar a vista da cidade, economizando mais de de 50% em bilhetes individuais.

Recentemente, um novo itinerário no interior da Catedral foi aberto, chamado de “Porta del Cielo”,  que lhe permite fazer uma visita guiada da Catedral a partir do topo, desfrutando de uma vista verdadeiramente extraordinária.

A rota é incluída no bilhete cumulativo chamado OPA Pass+. Sugerimos reservar com antecedência durante os meses de verão.

Siena - Toscana - Itália - Duomo - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Libreria Piccolomini

A Biblioteca Piccolomini, e fica dentro da Catedral. É dedicada ao Papa Pio II, notável pela riqueza por causa dos seus afrescos pintados por Pinturicchio e seus seguidores, incluindo Rafael Sanzio no início de 1500. Dentro da biblioteca, você pode admirar afrescos verdadeiramente extraordinários nas paredes, mas também no teto, brilhando por causa uso abundante de ouro.

Admire a mestria da perspectiva nas colunas pintadas que emolduram cada cena e nos fundos. As paredes são divididas em 10 cenas que representam diferentes fases importantes na vida do Papa Pio II, como embaixador dos tribunais europeus, prestando homenagem ao novo Imperador e depois para o Papa doente, apresentando Eleonora ao Imperador Frederick III, tornando-se Cardeal e depois Papa.

A Biblioteca Piccolomini é uma verdadeira jóia que você realmente não pode perder quando estiver em Siena.

Batistério

O Batistério é dedicado à São João e foi construído em 1300, quando decidiu-se ampliar o Duomo. O Batistério, tem a entrada da Piazza San Giovanni, e é facilmente reconhecível por sua fachada em mármore incompleto. O interior do Batistério é lindamente decorado com um ciclo de afrescos realizados por alguns artistas de Siena do Renascimento. A obra-prima mais preciosa preservada dentro do Batistério é sem dúvida a fonte  batismal criada por alguns dos maiores escultores da Renascença: Jacopo della Quercia, Lorenzo Ghiberti e Donatello.

Museo dell’Opera del Duomo

O Museo dell’Opera reúne esculturas, pinturas e manufaturas de artistas seneses, além de artigos religiosos usados em missas. Destaque para a Rosa d’Ouro (1658), de Gianlorenzo Bernini, e Il Sono della Innozenza, de Giovanni Dupré. Na Sala Duccio, podemos ver várias pinturas religiosas que datam desde 1200. Mais adiante, fica a Madonna con il Bambino detta Madonna del Perdono, de Donatello.

Na saída do museu, uma surpresa agradável: a Galleria delle Statue, com várias estátuas, a maioria de Giovanni Pisano, do século XIII. Há ainda um vitral de Duccio, feito também no século XIII, que pertenceu à catedral de Siena e é uma das maiores obras do artista. O espaço onde funciona a loja do museu foi uma igreja chamada Chiesa di San Niccolò in Sasso. O ingresso para o Museo dell’Opera e Facciatone custa € 7.

Já o ingresso combinado para Museo dell’Opera, Facciatone, Duomo, Biblioteca Piccolomini, Batistério e Criptas custa de € 8 a € 12, dependendo da época do ano. Pode-se fazer reservas de ingressos pelo site e pelo telefone.

Viaje para Siena conosco! Saiba mais:

www.toscanobrasil.com.br

www.facebook.com/toscanobrasil

Viaje Toscano Brasil @Ahoba Viagens

A gente se vê por aí, em algum lugar do Universo!!!

Bacio!

Rey & Ká

Vale Nevado - Chile - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

CARTAGENA – CIDADE FESTA

Cartagena - Cidade Festa - Colombia - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Cartagena das Índias, ou simplesmente Cartagena, é uma simpática cidade colombiana margeada pelo Mar das Caraíbas, onde impera o charme dos séculos passados sem deixar de dar vez à modernidade dos dias atuais. O lugar tem uma localização estratégica, por isso foi sede de um importante porto durante o período colonial e, consequentemente, a região se desenvolveu e tornou-se alvo constante de ataques piratas. Cercada por uma muralha erguida em 200 anos, cheia de casinhas coloridas, praças com fontes, lendas de piratas e charmosos gastrobares e hotéis.

História

Os espanhóis chegaram em Cartagena das Índias entre o fim do século 15 e o início do 16, e a nomearam assim em homenagem à cidade de seu país. A colonização da Colômbia começou pelo litoral, como ocorreu em outros países da América, com perseguição aos índios da região e escravização de pessoas trazidas da África. Em 1811, finalmente, a cidade conquistou sua liberdade, sendo o primeiro território colombiano (e o segundo sul-americano, após Caracas) a fazê-lo.

Poucas cidades no mundo tiveram um cabo eleitoral tão eficiente como Gabriel Garcia Márquez foi para Cartagena. E já não bastassem tantos atrativos fáceis de ir (inclusive a pé), há variadas opções de agito noturno, cheias de gringas(os) que, somados às constantes promoções de voos e aos preços atrativos ao bolso do brasileiro, tornaram este destino uma grande opção.

Cidade Amuralhada - Cartagena - Cidade Festa - Colombia - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A Cidade Amuralhada é o coração de Cartagena; nela fica a parte antiga da cidade, que concentra grande parte dos pontos turísticos da região. Construída como forma de proteger Cartagena dos ataques que sofria, a muralha, além de ser um dos melhores passeios num fim de tarde, preserva ruelas charmosas, igrejas, praças, restaurantes, museus, bares e edifícios de arquitetura colonial com varandas floridas que são pura beleza!

Não há cidade mais cool na América Latina para tributar sua existência, como vejamos abaixo:

Cartagena - Cidade Festa - Colombia - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Cartagena - Cidade Festa - Colombia - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Cartagena - Cidade Festa - Colombia - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Quem procura as famosas imagens caribenhas com belas praias de areia branca e mar esverdeado não pode deixar de visitar esse Parque Nacional, a 45 km de Cartagena, considerado um dos mais importantes da Colômbia. O parque, localizado em uma área de 120 mil hectares, inclui as paradisíacas ilhas dos arquipélagos do Rosário e de San Bernardo e oferecem como atrativos naturais os diversos ecossistemas submarinos (principal atração do parque) como os arrecifes de corais que ocupam 82,9% da região, bosques com manguezais e litorais rochosos e de areia. Os tours pela região costumam incluir visitas às praias da Isla Grande, principal centro turístico, ao Oceanário da ilha San Martín de Pajarales e à Playa Blanca, na ilha Barú, considerada a segunda maior ilha do país. Atividades como snorkelling, caminhadas terrestres e mergulho em trilhas submarinas podem ser incluídas no passeio. Em San Bernardo, o destaque são as ilhas Múcura, Tintipán e Islote, onde é possível fazer mergulhos. As saídas são diárias, entre às 8h e 9h, do Muelle Turístico La Bodeguita e as viagens até o atrativo costumam variar de 40 minutos a três horas, de acordo com a embarcação contratada. Por questão de segurança, procure sempre contratar os serviços oferecidos pelas empresas oficiais, localizadas no interior do píer de embarque. Entrada paga. Os tours não incluem a taxa de acesso ao píer e nem os ingressos ao parque e ao Oceanário.

Cartagena - Cidade Festa - Colombia - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Parte da zona histórica, mas um pouco menos turístico por estar fora da região localizada a partir da travessia da Torre del Reloj, este bairro mantém o comércio local mais antigo e casas de arquitetura original, com pouco restauro. Estas construções hoje convivem com novos restaurantes, hostels e bares, já que o interesse pela área só cresce.

Cartagena - Cidade Festa - Colombia - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e EstilovTão atraente quanto seus vizinhos, Getsemaní tem uma noite mais jovem e agitada, boa para quem gosta de sair para dançar. Entre os bares, o Café Havana toca a melhor salsa cartaginesa e cubana e o Bazurto Social Club tem noites de música latina e de influência jamaicana, com DJs e bandas tocando. Um dos famosos clientes deste colorido bar e restaurante era o escritor Gabriel García Marquez.

DICA DO BLOG: É melhor ir numa quarta-feira quando os COP 20 mil (cerca de R$ 23,00) de entrada são consumíveis. Não abre entre domingo e terça.

Restaurantes em Cartagena

Em Cartagena fica um ótimo restaurante Chico y Rita (Calle 2da. de Badillo #39-20, tel. 317/656-6352), que fica no Parque Fernandez Madrid. Ótimo ambiente, atendimento e comida no mesmo nível.

Sobre o Parque Fernandez Madrid, um adendo: é um praça recém-reformada que tem à mão pequenos hotéis charmosos como Casa la Fe e Santo Toríbio, uma variedade de restaurantes como Chico y Rita e Pizza en El Parque (Calle 2da. de Badillo #36-153, tel. 312/737-0079), próximo às casas de câmbio da Carrera 7 e do Supermercado Olimpica (que é onde você encontra o melhor preço nos cafés que vai levar de presente para os amigos).

Não decepcionaram também o restaurante La Girolatta (Calle de la Artillería #36-86, tel. 312/660-2399), coladinho às muralhas, e Piccolo (Calle Sargento Mayor, Claustro de Santo Toribio, tel. 312/664-8183). O La Brioche (Calle San Agustín Chiquita #6-12, tel. 312/664-5933) tem opções para o dia todo e é muito gostoso para um café da manhã com inspiração francesa.

Para um lanche rápido, recomendo os sucos e pandebonos – um parente do pão de queijo – do La Esquina del Pandebono na Carrera 6, e também os picolés da Ciocolatto Pop-bar (Calle del Arzobispado #34-63, tel. 312/668-5852) – dos sorvetes, disparado, o melhor!

Chiva Rumbera - Cartagena - Cidade Festa - Colombia - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Boemia e Festa na Chiva Rumbera

Já pensou numa festa num ônibus-valada-vintage? Lá tem! Vai uma banda tocando dentro dele, onde se tem liberados Licor Barra Libre, refrigerantes e comidinhas como Arepas e Empanadas. Ele roda por vários pontos, como o Castillo de San Felipe, e por fim, deixa a galera numa balada como a Taboo (com ingresso incluso). A noitada sai por COP 40 mil (cerca de R$ 50,00).

OFERTA ESPECIAL DO BLOG:

Por tempo limitado, até 30/06/2016.

Aéreo + Hotel para duas(2) pessoas em 10 x SEM JUROS

Cartagena - Cidade Festa - Colombia - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A gente se vê por aí, em algum lugar do Universo!!!

Bacio!

Rey & Ká

Cartagena - Cidade Festa - Colombia - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

AGÊNCIA DE VIAGEM OU BUSCADORES ONLINE?

Ghirardelli - Estados Unidos - EUA - Destino Chocólatras - Chocolate - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Por que as pessoas estão voltando a procurar Agências de Viagem para viajar e deixando de lado os buscadores online?

Ir atrás de uma agência de viagem pode parecer uma coisa do século passado pra alguns. O acesso fácil a inúmeros buscadores de passagens online dão a impressão de que as Agências estão com seus dias contados, como as livrarias, lojas de CD ou videolocadoras.

De fato, muitas estão fadadas a esse destino sim, porque são simplesmente uma versão mais lenta e menos conveniente dos buscadores online.

Só que o que algumas pessoas já têm notado, é que existem Agências de Viagem diferenciadas, que são muito mais do que facilitadores de viagens para a Disney e pacotes de Cruzeiros. É que elas fornecem uma experiência de viagem que muito dificilmente você pode adquirir sozinho pela internet, sem conhecer o seu destino e sem conhecer as empresas de serviço do lugar como os Agentes de viagem experientes.

Agência de Viagem - Toscano BrasilRoteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

O stress do planejamento

Se você já programou uma viagem sozinho sabe o que é ir atrás incansavelmente da melhor oferta.

O número de sites de busca e de divulgação de promoções já é tão grande que você pode gastar horas online pesquisando por preços de passagens, tendo inclusive que simular a mesma passagem várias vezes pra conseguir chegar ao valor real, com as taxas incluídas.

Falando nessas taxas, já percebeu que aquele preço de promoção nunca é o preço final mesmo? Já reparou também que quando o preço vale realmente a pena a espera nas escalas são de horas?

Isso sem contar as pesquisas de hotéis, as resenhas que têm que ser lidas (não dá pra confiar nas fotos…), as consultas de preços de traslados, os ingressos para atrações turísticas, e por aí vai.

É um tal de ir e vir de um site a outro para encontrar a oferta mais vantajosa que é fácil se sentir perdido e em dúvida. Dá aquela sensação agoniante de que sempre pode aparecer uma opção melhor, no próximo link, na próxima busca.

Quando você menos espera, surge um stress que nada tem nada a ver com a sensação gostosa e prazerosa que você tava esperando ao programar uma viagem, para as suas férias tão merecidas.

E se você mudar de planos antes de ir?

Digamos que depois de muitas horas de pesquisa, você tenha encontrado a passagem ideal e um hotel com resenhas boas. Mas e se por acaso, por algum inconveniente do destino, você tenha que mudar a data de viagem? Bom, pode esperar por incomodação e taxas altas para remarcação das suas reservas online. Se você já teve que resolver isso alguma vez, sabe do que estamos falando!

Esse é um dos momentos que uma Agência de Viagem fará toda a diferença, fazendo suas remarcações e ajustes. E melhor, com a garantia de que tudo vai dar certo.

Sim, é bom ter o poder e acesso a todas as informações como temos hoje na internet. Porém, o tempo que se dedica ao estudo e planejamento online de uma viagem pode sair caro.

Ainda mais se o que você quer é curtir as férias!

Muita gente ainda insiste que todo o esforço e stress da busca online valem a pena, porque se acredita estar, pelo menos, pagando mais barato. Bom, é exatamente aí que está uma das maiores lendas sobre as Agências de Viagens.

E você precisa saber da verdade!

Algumas lendas sobre viajar com agências que estão caindo por terra

Lenda 1: Os preços dos buscadores são menores que de Agências

Esse é o maior benefício de planejar a própria viagem online, certo? Conseguir o melhor preço. Acontece que esse é também o maior mito sobre as Agências de Viagem que existe por aí.

Essa lenda é muito alimentada por mochileiros de viagem. Dá para entender, já que quem viaja no estilo mochileiro normalmente está fazendo uma viagem bastante econômica, hospedando-se em quartos compartilhados em albergues, ou mesmo no sofá de algum morador local, por meio de sites como o couchsurfing. E como as as agências trabalham com redes de hotéis que, naturalmente, são uma hospedagem mais cara do que os albergues, esse mito cresceu.

Só que muita gente que entrou nessa onda não necessariamente é um viajante de mochila e, quando optam pela pesquisa cansativa da própria passagem e hotel, acabam perdendo benefícios que só as Agências de Viagem, que são muito bem conectadas com esses Prestadores de Serviços, conseguem.

E as Taxas de Serviço?

Ao contrário do que você pode pensar, assim como em agências, usuários e compradores de sites, também pagam por taxas de serviço nos buscadores onlines. A diferença é que na internet, não há margem para negociação desse valor, o que é bem diferente da realidade das Agências de Viagem. Muitas vezes, os agentes são flexíveis ou até abrem mão dessa taxa, porque:

– não querem perder o cliente

– já ganham comissão das parcerias com as empresas de serviço.

Lenda 2: Comprar na internet é mais rápido e fácil

A não ser que você compre a primeira oferta que aparecer no seu navegador, isso é uma grande ilusão. Como você já deve ter sentido na pele, a busca online pode demorar e muito!

A verdade é que as Agências de Viagem têm acessos muito mais facilitados que você, com seus sistemas internos de busca. E também experiência para entender sazonalidades de preços, o que pode fazer a busca ser bem mais ágil.

Outra coisa a considerar: quando você encontra um Agente de Viagem em que confia, ele cria familiaridade com seu estilo de viajar e vai ficar cada vez mais fácil e rápido planejar tudo para você.

Lenda 3: Se eu planejar minha viagem pela internet, vou ter mais flexibilidade

Claro que vai ter flexibilidade, e isso é ótimo. Só que nas boas Agências de Viagem também. Nem toda a agência vive de pacotes. Na realidade, a personalização e consultoria sobre seu roteiro é justamente o maior beneficio que ótimas Agências de Viagem podem te oferecer.

Trocando em Miúdos: se você propõe uma viagem para um destino X, por exemplo, porque quer ter uma experiência de X com seu marido ou esposa, uma boa Agência de Viagem, que será o melhor consultor de viagem nesse caso, vai te falar com transparência que para você ter essa experiência que quer na viagem, seria melhor ir a um lugar Y.

Os agentes que se familiarizam com seu jeito de viajar são como amigos, que estão preocupados em garantir a experiência que você espera, não simplesmente te passar um orçamento. Seja um turismo louco de aventura, com um hotel no topo de uma montanha ou uma viagem com spas, muito descanso e sombra e água fresca.

E é na garantia e segurança que o que você espera que vai acontecer, fará toda a diferença. Algo que os algoritmos dos grandes sites de busca de viagem ainda não conseguem fazer, porque não são pessoas, afinal!

Quando você planeja tudo sozinho, pode não estar fazendo o melhor, já que você não conhece o destino e os serviços do lugar. E o pior: vai alimentar expectativas de qualquer forma, o que pode acabar em muito stress e frustração quando chegar lá.

Agência de Viagem - Toscano BrasilRoteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Você não merece dores de cabeça no meio da viagem

– E se aquele hotel que parece incrível nas fotos tiver uma construção barulhenta bem nos dias que você vai estar hospedado?

– E se você chegar no hotel e entender que o quarto nada tem a ver com o que está nas fotos do site?

– Ou pior: e se sua reserva simplesmente não existe?

– E se seu vôo atrasou e você perdeu a conexão com outra companhia aérea?

– E se o vôo que atrasou te deixou no próximo aeroporto no meio da madrugada, com as agências fechadas e só resta dormir no aeroporto ou gastar uma nota em um hotel por perto?

Seguro Viagem

Como? Ah, no meu cartão do banco já tem… Só para se ter uma ideia da importância: um simples primeiro atendimento médico nos Estados Unidos, por exemplo, pode custar milhares de dólares caso o viajante não tenha um seguro. Já na Europa, os países que integram o Tratado de Schengen exigem que o turista tenha uma cobertura securitária mínima de 30.000 euros para despesas médico-hospitalares

É nessas horas que você percebe que programar sua viagem online só te traz uma viagem tranquila se tudo der EXTREMAMENTE certo.

Imprevistos acontecem, em qualquer viagem, não há como evitá-los, VÃO ACONTECER!!!

E se você tiver que lidar com tudo no meio das suas férias, stress e frustração podem definir o que você vai sentir.

Só que isso tudo pode não ser tão complicado se outra pessoa pode resolver pra você! Uma ligação para sua Agência de Viagem poderá resolver todos os problemas, sem dor de cabeça ou custo. Esse é o papel das Agências de Viagem: proporcionar a melhor experiência possível, para garantir que você se torne um cliente recorrente.

É como ter um assistente durante toda a viagem. Por que as pessoas abriram mão dessa mordomia mesmo?

Agência de Viagem - Toscano BrasilRoteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Você deveria se dar o luxo de se preocupar só com o que realmente importa!

Quando você não precisa se preocupar com horas de planejamento, com os trâmites com hotel e traslados e ficar ansioso com as coisinhas que podem dar errado, você tem o luxo de se preocupar com o que realmente importa: ter os melhores momentos e experiências possíveis. Não sei você, mas a gente acha que é mais que coerente ter esse conforto nas férias. Ainda mais se o custo for igual ou muito parecido com o de buscadores online!

Bom, agora que já quebramos alguns paradigmas, mitos e lendas e mostramos os principais benefícios das Agências de Viagem, dê a sua opinião:

O que mais te impede de procurar uma agência para a sua próxima viagem dos sonhos?

Viaje Toscano Brasil @Ahoba Viagens

A gente se vê por aí, em algum lugar do Universo!!!

Bacio!

Rey & Ká

Vale Nevado - Chile - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

MALA IDEAL PARA UMA JORNADA IMAGINÁRIA

Mala de Viagem - Viagem Imáginária - Erbario Toscano - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Sonhar não custa nada, certo? Então sempre sonhe alto, algo muito bom, além das expectativas!!!

Se você quer ter um carro do tipo HB-20, sonhe em ter uma BMW ou Maserati, pois se você sonhar com o HB-20 talvez você consiga comprar um Fiat Uno, mas se você sonhar com uma BMW, Ferrari ou Maserati, com certeza você conseguirá seu HB-20 ou muito mais.

VOCÊ É DO TAMANHO DOS SEUS SONHOS!!!

Agora, vamos sonhar com uma jornada imaginária, então preparamos para vocês algumas malas já arrumadas com tudo o que você irá precisar nesta viagem e principalmente, abastecida com produtos do nosso Patrocinador:

Erbario Toscano

Agora vamos parar de falar para você viajar nas imagens e sonhar. BON VOYAGE!!!

Mala de Viagem - Viagem Imáginária - Erbario Toscano - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Mala de Viagem - Viagem Imáginária - Erbario Toscano - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Mala de Viagem - Viagem Imáginária - Erbario Toscano - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Mala de Viagem - Viagem Imáginária - Erbario Toscano - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A gente se vê por aí, em algum lugar do Universo!!!

Bacio!

Rey & Ká

Londres - Grã-Bretanha - Inglaterra - Reino Unido - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

ILHAS PARADISÍACAS E POUCO CONHECIDAS

Aurora Boreal - Ártico - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Geralmente, quando as pessoas procuram uma ilha para passar as férias, a primeira coisa que lhes vêm à mente são águas transparentes, sol, areia e algumas palmeiras. Mas, para quem tem espírito aventureiro e está disposto a explorar lugares novos e exóticos, existem muitas opções de ilhas pouco conhecidas que além do estereótipo ideal, são mais tranquilas que os destinos tradicionais.

Tem que ter um pouco de preparo físico também, pois apesar de um pouco de esforço para encarar as caminhadas, as recompensas são maravilhosas, incríveis vistas naturais, ritmo descontraído e comidas e bebidas deliciosas são só alguns dos atrativos das ilhas nessa lista elaborada pela emissora americana CNN.

Solta - Croácia - Ilhas Paradisíacas - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

1) Solta, Croácia

Pouco conhecida quando comparada às ilhas próximas da Dalmácia, como Korcula e Hvar, a ilha croata de Solta tem um visual parecido com o de suas vizinhas: casas de pedra com telhados laranja e límpidas águas de cor azul-turquesa. Nesta pacífica ilha coberta de pinheiros, os visitantes podem saborear o vinho tinto local, azeite, anchovas e um prato típico provençal, o tapenade – uma mistura de azeitona, com alcaparra, anchova, tudo picado em pequenos pedaços ou mesmo macerado e misturado com azeite de oliva.

Açores - Portugal - Ilhas Paradisíacas - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

2) Açores, Portugal

Esse grupo de ilhas no Oceano Atlântico, a 1.287 quilômetros de Portugal, exibe vulcões, hortênsias azuis, penhascos íngremes à beira-mar e mais tons de azul e verde em suas águas do que uma paleta de cores de loja de tintas. As águas azul turquesa e verde esmeralda da Lagoa das Sete Cidades, na Ilha de São Miguel, são um mergulho imperdível.

Ilha de Lummi - Estados Unidos - Ilhas Paradisíacas - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

3) Ilha de Lummi, Estados Unidos

Essa ilha quieta, coberta de verde, no estado de Washington, hospeda uma grande comunidade artística – tours realizados pelos estúdios três vezes ao ano mostram mais de 40 artistas e artesões da região. O restaurante do único hotel da ilha, The Willows Inn, foi eleito pelo ‘The New York Times’ como um dos 10 melhores do mundo.

Ilha de Sark - Inglaterra - Ilhas Paradisíacas - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

4) Ilha de Sark, Inglaterra

A ilha de Sark pertence ao grupo de Ilhas do Canal, na Inglaterra. Carros, ônibus e motos são proibidos nessa ilha de aproximadamente 600 habitantes. Charretes, bicicletas e tratores de fazenda adicionam um charme rural ao local. O cenário da ilha inclui prados cheios de flores silvestres, uma dramática costa escarpada e a estreita calçada natural que conecta Sark a Little Sark, uma parte mais afastada da ilha.

Spitsbergen - Noruega - Ilhas Paradisíacas - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

5) Spitsbergen, Noruega

Vistas de montanhas cobertas de neve, fiordes e mares azul escuro recebem os turistas no arquipélago de Spitsbergen, território mais ao norte do mundo antes de se chegar no Polo Norte. Na metade do caminho entre a Noruega e a calota polar, no Oceano Ártico, Spitsbergen é a única ilha habitada. Sua maior cidade, Longyearbyen, tem cerca de 2.000 pessoas. Durante o verão, flores silvestres florescem e o sol oferece iluminação contínua entre os meses de abril e agosto. Os visitantes também podem assistir as luzes da Aurora Boreal entre novembro e fevereiro, quando a escuridão é quase permanente.

Fonte: CNN

Curta nosso novo site, façam vocês mesmos a simulação de sua VIAGEM DOS SONHOS!

Viaje Toscano Brasil @Ahoba Viagens

A gente se vê por aí, em algum lugar do Universo!!!

Bacio!

Rey & Ká

Vale Nevado - Chile - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

MUSEU DE CERA MADAME TUSSAUDS (DICAS PARA CONSEGUIR DESCONTOS EM LONDRES)

Madame Tussauds - Museu de Cera - Londres - Viena - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

O Museu de Cera Madame Tussauds é mundialmente conhecido e tem franquias espalhadas em 12 países (nós conhecemos o de Londres e o da Áustria) sem dúvida o de Londres vale muito mais a pena. Foi em Londres que tudo começou! Encontram-se  estátuas perfeitas de grandes estrelas do mundo artístico e personalidades históricas, como o Beatles, Churchill e Gandhi. E a produção não para: posptars emergentes logo ganham sua versão de cera no museu.

Impossível não se divertir tirando foto ao lado dos seus heróis e de diversos ícones da história. Com alguma disposição vou vai entrar no clima rapidinho.

Endereço: Marylebone Rd, Londres NW1 5 LR, Reino Unido

Como chegar: Metrô Baker Street (Bakerloo, Circle, Hammersmith&City, Jubilee e Metropolitan Lines)

DICA DO BLOG:

Descontos: O Madame Tussauds faz parte do grupo Merlin, que controla outras atrações turísticas de Londres, como a London Eye<, a London Dungeon (imperdível) e o Aquário de Londres. Por isso, é possível obter descontos ao comprar pacotes com dois ou mais desses passeios. Comprando os quatros, você pode economizar até 40% do total.

Madame Tussauds - Museu de Cera - Londres - Viena - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Madame Tussauds - Museu de Cera - Londres - Viena - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Madame Tussauds - Museu de Cera - Londres - Viena - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Madame Tussauds - Museu de Cera - Londres - Viena - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Madame Tussauds - Museu de Cera - Londres - Viena - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

MADAME TUSSAUDS – VIENNA – ÁUSTRIA

Madame Tussauds - Museu de Cera - Londres - Viena - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Madame Tussauds - Museu de Cera - Londres - Viena - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

DICA DO BLOG:

Se possível, vá ao museu durante a semana, à tarde. No fim de semana e pela manhã, o lugar fica completamente lotado de crianças correndo de um lado para o outro.

E bem pertinho tem o Museu do Sherlock Holmes e o belíssimo Regente´s Park.

Museu Sherlock Holmes - Londres - Viena - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Museu Sherlock Holmes - Londres - Viena - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Museu Sherlock Holmes - Londres - Viena - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

LONDON EYE

London Eye - Londres - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

London Eye - Londres - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

Inglaterra - Reino Unido - Londres - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo

A gente se vê por aí, em algum lugar do Universo!!!

Bacio!

Rey & Ká

Londres - Grã-Bretanha - Inglaterra - Reino Unido - Roteiros Personalizados - Viagens - Turismo - Essência e Estilo